Ache aqui o que você procura!

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Democracia

Pela 1ª vez vou publicar 2 textos no mesmo dia, mas tô com algo engasgado aqui na minha garganta, não dá pra esperar até amanhã.


Vivemos numa democracia, certo? Há controvérsias!
Com o início da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na tv, fiquei observando mais atentamente alguns aspectos dessa nossa "democracia".
 Falando só da eleição presidencial, os candidatos dos partidos maiores, aqueles mesmos que vem se revezando no poder desde o final oficial da ditadura, tem um tempo grande para falar ao povo, tempo suficiente para contarem suas histórias tristes, de onde vieram, o que fizeram até então, mostrar a família, os amigos, a primeira professora, fotografias e o escambau. Tempo para emocionarem o eleitorado com suas trajetórias de vida sofridas mas vencedoras. 
Enquanto isso os outros candidatos mal tem tempo de pronunciarem o próprio nome. 
Sei que isso faz parte do tal "jogo democrático" que são as regras eleitorais, leis e coisa e tal, mas à mim me parece mais um jogo de cartas marcadas, uma disputa entre 2 candidatos que se utilizaram claramente de seus cargos pré-candidatura para fazer uma campanha muito mal disfarçada durante os últimos 4 anos, propagada aos 4 ventos pelos 4 cantos do país pela exposição na mídia que seus cargos, função e status requeriam (ou não). Afinal o que é uma multinha de 5 mil reias por propaganda antecipada para quem tem rios de dinheiro financiando suas campanhas? Ao contrário disso, os outros candidatos com menos verba disponível, não podem se dar ao luxo de ficar pagando multas, então só lhes restam os aproximadamente 40 dias da campanha oficial no rádio e na tv para tentarem sensibilizar o público votante com um tempinho mixuruca que só lhes permite dizerem o nome e o partido e um sloganzinho furreca.
Não que eu realmente acredite que algum deles tenha algo relevante a dizer, capaz de mudar o jogo e nos fazer escapar dessa triste realidade de ter que escolher entre a cruz e a espada, simplesmente não vejo justiça ou democracia neste jogo.
Me parece nula a diferença entre o tempo em que um colegiado escolhia quem seria nosso próximo presidente e nos empurrava a escolha goela abaixo e agora onde temos a falsa sensação de estarmos decidindo o futuro do nosso país, escolhendo o seu destino através do voto no melhor candidato. Pura ilusão, não há melhor candidato. Talvez não haja nem futuro.

BlogBlogs.Com.Br
Comentários
13 Comentários

13 comentários:

  1. Pois é... "democracia"...

    não gosto de política, mas dessa vez estou me empenhando mais, tentando pesquisar mais sobre os canditatos, para tentar votar no "menos pior".

    bjs

    ResponderExcluir
  2. Temos que participar mais efetivamente se quisermos mudar nossa sociedade. Afinal a política é um reflexo de seu povo. Temos sim que pesquisar e votarmos em mais mulheres, precisamos ter uma maior representação feminina no país.
    Às vezes tb fico bem cansada de tudo isso Tuka!
    beijocas,
    Mari.

    ResponderExcluir
  3. Ai, doloroso mas absolutamente verdadeiro. "Pura ilusão, não há melhor candidato. Talvez não haja nem futuro."
    Ou talvez o futuro repita simplesmente o que já conhecemos e abominamos.
    Caríssima Tuka, gostei do seu blog mas gostei particularmente de vc. Sabe, é internet, mas às vezes temos a impressão de que percebemos um pouco mais do que é possível naturalmente. Tá, sou mei maluca, mas senti imensa simpatia por vc.
    Por isso vou te seguir, convidar vc a conhecer meu blog e tomar um chocolate comigo.
    Um fds vermelhinho e gostoso pra vc. Parabéns pelo Inter.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Concordo plenamente com você, eu já tinha tinha pensado nisso. Que democracia é essa, onde o poder econômico sempre tem mais poder?
    Bjux

    ResponderExcluir
  5. Concordo com você!
    Devemos analisar que tipo de Brasil queremos!

    ResponderExcluir
  6. Mas muitos dos candidatos menores aproveitam-se de outras baixarias para atrair votos, como dar alimentos, camisetas e chaveiros na periferia. Infelizmente, isso ainda existe. Aqui em SP, muitos deputados e vereadores têm uma ambulância pp para atender eleitores. Na tal "ambulância"vem até escrito o nome do político e eterno candidato.
    Irma

    ResponderExcluir
  7. É verdade sim, por isso que eu disse não acreditar que tenham algo relevante à dizer. Mas apesar disso acho que deveriam sim ter a sua chance, até para a gente ver bem que não tem mesmo muita escolha.

    ResponderExcluir
  8. DÁ DESGOSTO A NOSSA POLÍTICA MAS TEMOS QUE PESQUISAR E TENTAR VOTAR CERTO
    OBRIGADA PELO CARINHO FLOR
    ADOREI O ESPAÇO NOVO MARAVILHOSOS TEXTOS
    LINDO DOMINGO
    BJUS

    ResponderExcluir
  9. Concordo com você, cara xará.

    Mas acho que essa distribuição injusta do tempo de propaganda eleitoral em rádio e TV é mera conseqüência da estrutura precária, arcaica, cartorial do nosso sistema "democrático". Mais importante, portanto, que tentar consertar isso é reformar toda a base desse sistema. Já se fala nisso há muitos anos, mas a reforma esbarra na própria composição destorcida, pouco representativa, do Congresso Nacional, que afinal é que decide se a mudança é conveniente (para eles, é claro, muito mais do que para nós, infelizmente). Então essa reforma vital só virá no dia em que a maioria da população tiver consciência política para, através do voto, formar bancadas na Câmara e no Senado interessadas no aprimoramento da democracia e não na manutenção de seus próprios privilégios. Ou seja, é uma meta ainda bem distante, porque requer, antes de mais nada, altos investimentos em educação, saúde e habitação - direitos de todo cidadão não respeitados, embora expressos na nossa Constituição para inglês ver...

    Abraços

    ResponderExcluir
  10. Caro xará, fiquei na dúvida sobre se aprovava o seu comentário ou se postava ele no blog, dignas disso as tuas palavras.
    Volte sempre por aqui.
    Abraços

    ResponderExcluir
  11. Temos que participar mais efetivamente se quisermos mudar nossa sociedade. Afinal a política é um reflexo de seu povo. Temos sim que pesquisar e votarmos em mais mulheres, precisamos ter uma maior representação feminina no país.
    Às vezes tb fico bem cansada de tudo isso Tuka!
    beijocas,
    Mari.

    ResponderExcluir

Que bom que você veio!
Deixe aqui a sua impressão,
opinião ou recadinho.
Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...