Ache aqui o que você procura!

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Meu primeiro emprego

Trabalhar sempre foi muito importante pra mim. Sempre quis ser independente, ter meu próprio dinheiro, ser dona do meu nariz. Comecei a trabalhar aos 13 anos de idade, numa creche cuja dona era conhecida de uma prima de minha mãe (bem assim mesmo). Trabalhava muito meio turno e ganhava meia dúzia de caraminguá furado. Mas foi só aos 15 que consegui meu primeiro emprego de carteira assinada.

Primeiro precisava fazer minha carteira profissional e para isso precisava de autorização da mãe. Como ela não queria mais que eu trabalhasse, coloquei o papel da autorização por entre provas da escola e fiz ela assinar sem saber. Depois peguei a carteira de identidade civil dela que ficava guardada em uma gaveta (ela usava a do COREN) e fui até o Sine fazer minha carteira.

Com a carteira na mão, comecei a procurar emprego. Me lembro direitinho do dia em que fui lá no Supermercado Real (hoje tem outro nome) no Shopping Iguatemi e perguntei para o gerente, Sr. Cláudio se tinha emprego pra mim. Ele me perguntou duas coisas: que idade eu tinha (aos 15 eu tinha cara de 10) e se minha mãe sabia que eu tava lá. A idade eu disse cheia de orgulho, mas sobre a mãe, menti descaradamente. Ele tinha uma cara engraçada, com ar de deboche, sempre me dava nervoso falar com ele. 

Ele disse que tinha uma vaga para empacotadora, me encaminhou para um treinamento. Sim, naquela época, empacotadores de supermercado tinham treinamento para fazer pacotes. Era algo cheio de ciência, nada parecido com esse jogar de mercadorias dentro da sacola que existe hoje em dia, isso nos mercados em que ainda existem empacotadores.

Com o treinamento de uma semana concluído, faltava só assinar o contrato e começar a trabalhar. Aí é que fui contar em casa que já tinha arrumado emprego. Foi um bafafá, mas no final eles entenderam que eu queria comprar minhas coisinhas, ir nas minhas festinhas e sabia que eles não tinham condições de me dar dinheiro sempre que eu queria.

Foi assim que arrumei o meu primeiro emprego. Hoje em dia, em que estou há tanto tempo sem poder trabalhar, buscando a minha aposentadoria, que no meu caso é um processo longo e doloroso, lembrar dessas coisas me faz tão bem...

E vocês, como é sua relação com o trabalho? Ainda lembram do primeiro emprego?







.
Comentários
11 Comentários

11 comentários:

  1. Amiga, estou no meu primeiro emprego até hoje.
    Já faz 14 anos...rsrs
    Sempre quis trabalhar, ser independente e me lembro que na época que terminei o ginásio e fui para o colégio, muitas amigas foram estudar a noite para poderem trabalhar durante o dia. Meu pai não deixou na e me lembro que fiquei bem chateada. Aos 18 anos arrumei uns biquinhos como promotora e aos 19 o trabalho que estou até hoje.

    Precisando respirar novos ares, viu! Mas não posso reclamar não, foi através dele que conquistei muitas coisas :)
    Bjs e um ótimo final de semana pra vcs!

    ResponderExcluir
  2. a primeira vez nunca se esquece, seja o primeiro beijo, o primeiro namorado ou até o primeiro emprego. Eu tinha 14 anos e trabalhai de vendedora. Lembro a emoção de minha primeira venda, que por coincidência era um sapatinho de bebê.

    ResponderExcluir
  3. É Tuka, o 1º é sempre tão legal... ruim é o resto da vida escravocrata. O meu 1º foi de monitora infantil da piscina de bolinhas num buffet.

    Era divertido, as crianças eram fofas e eu comia muito.

    ResponderExcluir
  4. Meu primeiro emprego foi em uma loja de um shopping e fui escondida da minha mãe. Foi numa época em que nós brigávamos muito e eu quis buscar minha independência...Curti bastante, me senti a tal! Só não sabia que daquele jeito nunca ia conseguir minha independência. Mas valeu por expeiência e aprendizado!
    Bjks
    Dani

    ResponderExcluir
  5. Muito legal toda a sua estratégia para arrumar emprego, triste ver tanta gente que foge dele até hoje...
    Meu primeiro foi em um salão,eu trabalhava só aos sábados como manicure,#aos15, tinha meu din-din,meus pai teve derrame q o deixou com sequelas e minha mãe trabalhava em casa de família,então a vida ñ era muito fácil com 3 filhos...
    Ralei muito,mas aprendi muito tbém,depois fiz estágio até cair na contabilidade...hj só na vagabundagem e internet (até parece q mae consegue,rsrsrs)...nunca esqueço do 1º emprego,esse n tinha carteira assinada...só aos 18 consegui a assinatura...

    ResponderExcluir
  6. Tuka, eu trabalhava com meu pai vendendo verduras, quando tinha uns 10 anos e aos 16 eu arrumei um emprego, mas meu pai me obrigou a sair por causa dos Estudos, com 18 eu comecei a trabalhar em uma loja que vendia artigos católicos, pertencia a uma congregação religiosa, eu vendia roupa de padre, cálices de missa, toalhas de altar, bíblia... trabalhei com isso por 03 anos... até hoje a loja existe no mesmo lugar e de vez em quando eu passo lá para rever as religiosas...

    ResponderExcluir
  7. Q legal sua história. Enrolou sua mãe para assinar o documento né? kkk...
    Meu primeiro emprego foi um estágio na CBDA (Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos) eu tinha 16 anos, era auxilar de escritório. Foi mto bacana pra mim tb essa experiência,tem meu próprio dim dim rs

    Beijocas!

    ResponderExcluir
  8. Corrigindo... FBDA (Federação Baiana de Desportos Aquáticos) foi lá o meu primeiro emprego. A "CBDA" são todas as modalidades esportivas aquáticas do brasil. Faz tanto tempo q confundir rs...
    Não tinha dito tb q não foi difícil arrumar esse emprego, minha tia era secretária do presidente da FBDA, foi no popular: "peixada" rs

    Beijocas!

    ResponderExcluir
  9. Corrigindo... FBDA (Federação Baiana de Desportos Aquáticos) foi lá o meu primeiro emprego. A "CBDA" são todas as modalidades esportivas aquáticas do brasil. Faz tanto tempo q confundir rs...
    Não tinha dito tb q não foi difícil arrumar esse emprego, minha tia era secretária do presidente da FBDA, foi no popular: "peixada" rs

    Beijocas!

    ResponderExcluir
  10. Muito legal toda a sua estratégia para arrumar emprego, triste ver tanta gente que foge dele até hoje...
    Meu primeiro foi em um salão,eu trabalhava só aos sábados como manicure,#aos15, tinha meu din-din,meus pai teve derrame q o deixou com sequelas e minha mãe trabalhava em casa de família,então a vida ñ era muito fácil com 3 filhos...
    Ralei muito,mas aprendi muito tbém,depois fiz estágio até cair na contabilidade...hj só na vagabundagem e internet (até parece q mae consegue,rsrsrs)...nunca esqueço do 1º emprego,esse n tinha carteira assinada...só aos 18 consegui a assinatura...

    ResponderExcluir
  11. É Tuka, o 1º é sempre tão legal... ruim é o resto da vida escravocrata. O meu 1º foi de monitora infantil da piscina de bolinhas num buffet.

    Era divertido, as crianças eram fofas e eu comia muito.

    ResponderExcluir

Que bom que você veio!
Deixe aqui a sua impressão,
opinião ou recadinho.
Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...