Ache aqui o que você procura!

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Educação é tudo

Estive lendo um blog que eu adoro, o Contra a Correnteza do Marcus Vinicius e fiquei um pouco chocada com os comentários que o cara recebeu sobre o post dele de hoje.

Ele fala sobre os serviços prestados no Rio de Janeiro e da falta de educação do povo. Alguns mal educados se manifestaram e desceram o sarrafo nos comentários!

Tudo bem, ele às vezes é meio arrogante, mas como ele mesmo diz, -"Às vezes pareço arrogante, mas sou apenas veemente, isso é fruto da minha pouca paciência com certos conceitos padronizados que as pessoas repetem muitas vezes sem nem saber porque.", mas ninguém, mesmo discordando dos argumentos dele, tem o direito de agredir o cara.

O mesmo aconteceu esses dias em que uma menina falou no twitter que odiava nordestinos e incitava as pessoas a matarem alguns. A menina é uma idiota porque se um nordestino tem defeitos e desvios de conduta não significa que todos tem, além de quê incitar à violência é crime. Mas entraram na página da menina e a chamaram de piranha pra baixo. Ou seja, foram tão preconceituosos e violentos quanto ela que eles condenaram tanto.

Tenho visto tanta baixaria nestas redes sociais que às vezes me enojo disso tudo. Todo mundo exige que o outro seja bem educado, saiba escrever em português correto e tenha um carater sem manchas, mas fazem isso sem o mínimo de educação e respeito, mostram todas as suas falhas de caráter e ainda erram no português!!!

Educação é tudo. Minha mãe me ensinou que educação é faz bem pros dentes e cabe em qualquer cantinho. Acredito nisso. Não sou nenhuma "lady", mas procuro tratar as pessoas com educação e respeito, da mesma forma como gostaria de ser tratada. Vejo que quando tratamos as pessoas com gentileza, desarmamos os espíritos, mudamos a trajetória da conversa. Quando me tratam mal em algum lugar, procuro falar calma e pausadamente com a pessoa, com um sorriso nos lábios, mesmo que esteja querendo voar no pescoço do vivente e a pessoa geralmente se toca que foi grossa e estúpida.

Às vezes a pessoas só está tendo um mau dia, acordou de mau-humor porque dormiu com os pés destapados. Às vezes a pessoa é grossa mesmo e aí não tem muito jeito. Mas pelo menos não damos continuidade a roda de agressões que virou moda.

Selo da campanha que vem tomando força na Internet
Por exemplo, a balconista da farmácia me trata com rispidez, eu a chamo de vaca, ela quase bate no próximo cliente que por sua vez bate boca com a moça aos gritos, o gerente demite a balconista que vai fazer um despacho na primeira esquina pedindo a minha morte. Ou a balconista me trata mal, eu sorrio pra ela e digo algo agradável como um: "entendo que deve ser difícil mesmo lidar com o público", ela fica sem graça, me pede desculpas, acaba fazendo um pequeno desabafo sobre o seu dia, fica mais aliviada e vai tratar o próximo cliente com um mínimo de cortesia. É diferente né?

É preciso ter um certo sangue de barata, mas no final, quase sempre vale a pena. Toda vez que voltar na tal da farmácia serei tratada com pelo menos um sorriso. Gentileza e educação estão intimamente ligadas.

Um blog é como a casa da gente. Cada um fala daquilo que conhece e gosta, suas opiniões e maneira de pensar e se expressa da maneira que sabe ou gosta. Enfeita a sua "casa" como acho conveniente, cafona ou não é questão de gosto pessoal. Se eu não gosto, tenho duas opções: na primeira eu deixo de visitar aquela "casa", não leio mais aquele blog. Na segunda, dou minha opinião contrária ao que o autor está dizendo, mas digo isso com a educação que EU tenho, mesmo que a pessoa em questão não mereça nenhuma. Ninguém entra na casa do outro sem ser convidado e vai falando o que quer, sendo desrespeitoso e grosseiro com o dono da casa.

Enfim, ia falar sobre outra coisa aqui hoje, mas esse assunto vem me procurando há dias. O blog do Marcus hoje foi a gota d'água, nem lembro mais sobre o que queria falar.




Comentários
12 Comentários

12 comentários:

  1. Mais uma vez eu digo que assino embaixo do seu post.
    A minha mãe tbm me ensinou que educação é bom, conserva os dentes e cabe em qualquer cantinho.

    Confesso que não sou uma pessoa muito fácil de lidar... tem dias que estou de cara fechada, as vezes sem motivos, mas estou.

    Porém tento assim como vc, segurar a onda e tratar as pessoas como gosto de ser tratada... o mínimo pelo menos.

    é complicado essa história de opinião, porque muitas pessoas não respeitam as dos outros.
    Acham que a deles é q que vale, e brigam, xingam, e as vezes vão para a agressão física por isso.

    Desde muito nova, eu aprendi que devo pelo menos escutar a opinião dos outros. se não concordar tenho 2 opções: 1- discordar e mostrar o meu ponto de vista 2- ignorar e deixar pra lá.

    e assim q eu faço sempre.

    Muitas vezes nem perco o meu tempo argumentando.

    Tuka linda, tbm fico com nojo da net qdo vejo essas coisas... pode ver que tenho twittado bem pouco, e quase nunca publico coisas no meu blog.
    acho q é normal.

    beijos

    ResponderExcluir
  2. O problema é que argumentar dá trabalho, sabe? Mais fácil xingar do que elaborar uma resposta decente, do que usar os neurônios para algo mais do que decorar letras de funk, pagode ou axé music.

    O ser humano é complicado por natureza, mas parece que o jeito de ser do brasileiro em geral consegue complicar isso ainda mais.

    Um beijo,

    Marcus

    ResponderExcluir
  3. Quando é as vezes passa a desculpa de um mal dia, mais tem gente que faz questao d ser mal educado sempre.

    bjs
    Insana

    ResponderExcluir
  4. Olá Tuka
    Fui ao blog de seu amigo ler o post e os comentários. Os cariocas ficaram enfurecidos. Acredito que as pessoas do lugar nem percebem isso, pois já estão acostumados. Alguém de fora percebe mais claramente. Tem muitos anos que não vou ao Rio, por isso não vou opinar.
    Bjux

    ResponderExcluir
  5. Eu tiver que ir lá, ler o texto do seu amigo e confesso que o achei tão exagerado quanto a falta de educação dos meus conterrâneos. Enfim, o que vc disse está muito certo, se eu não corcordo, posso colocar a minha opinião sem agredir.

    Deixo claro o seguinte, o post é exagerado, mas não mentiroso, carioca é folgado mesmo, se sente o rei da cocada em muitos aspectos e por isso presta um mau serviço.

    Eu sou uma estressadinha por natureza, mas aprendi que meu dia fica muito melhor quando eu não contamino o ambiente com o meu estresse, quando eu respondo bem aqueles que nem conhecem meus problemas... enfim... com certeza, gentileza, gera gentileza...

    ResponderExcluir
  6. Oi minha lindaaa.....
    Que saudades de vc, seus nposts como sempre tão bons,,,adoro....
    Educação seria algo tão natural não é? mas poucas pessoas usam e quando usamos somos mimizentas e carentes, porisso hoje exclui todas as minhas redes sociais, porque cansei de amizades superficiais e pessoas mal educadas....
    Tem sempre alguém querendo vomitar mal humor em alguém....
    Flor vc foi uma das pessoas pelas quais valeu a pena o tempo que usei as redes...e espero que nossa amizade continue....
    LIndos dias....precisando de algo diga tá~~~~e passe sempre no blog pra fazer uma visita...
    Obrigada pelo carinho sempre
    Mil beijos

    ResponderExcluir
  7. Tuka,
    Esse assunto é muito pertinente e você está coberta de razão, acho que educação não faz mal a ninguém, muito pelo contário. Se muita gente pensasse duas vezes antes de falar um desaforo, nosso mundo seria bem melhor. O problema é que sangue de barata não é para todo mundo e o povo acha que para responder uma agressão tem que fazer pior ainda... Vivemos em dias de tolerância zero ! E isso, às vezes, também me assusta aqui na net. Sou ainda meio novata por aqui e ultimamente tenho visto muita lavagem de roupa suja em alguns blogs. Sei que cada um faz da sua casa,como vc diz, o que quer. SEi também que a vida não é cor-de-rosa e todo mundo tem direito de usar seu espaço para desabafar, mas existe muitas maneiras de fazê-lo; se for com educação, melhor ainda.

    ResponderExcluir
  8. Oi, não consegui comentar no outro, depois eu volto lá. Quanto a esse daqui, sei bem do que vc tá falando. Eu no meu blog, falo umas coisonas um pouco agressivas, mas é "meu jeitinho" de expressar a raiva q sinto de determinadas situações. Eu trabalho com o público, trabalho num setor d tributos, ou seja, o povo vai lá pq TEM q pagar e ñ são lá mto amistosos. Chamam o governo de ladrão e fim. E quem escuta? EU. Mas é isso aí! Eu faço meu melhor, minhas colegas perguntam se eu quero "ir para o céu". Mas como moro num lugar onde a maioria é humilde, demoram mais para entender, eu tento. E covenhamos, educação é a base de tudo! Da sociedade consciente, saudável, participativa, e bem informada. Mas como educação term duas origens... casa e escola. Quando um falha, o outro não dá conta. Sofremos nós que temos mais discernimento, e por isso, seguimos fazendo a nossa parte... (ai como Escrevo mto!)

    ResponderExcluir
  9. Oi, não consegui comentar no outro, depois eu volto lá. Quanto a esse daqui, sei bem do que vc tá falando. Eu no meu blog, falo umas coisonas um pouco agressivas, mas é "meu jeitinho" de expressar a raiva q sinto de determinadas situações. Eu trabalho com o público, trabalho num setor d tributos, ou seja, o povo vai lá pq TEM q pagar e ñ são lá mto amistosos. Chamam o governo de ladrão e fim. E quem escuta? EU. Mas é isso aí! Eu faço meu melhor, minhas colegas perguntam se eu quero "ir para o céu". Mas como moro num lugar onde a maioria é humilde, demoram mais para entender, eu tento. E covenhamos, educação é a base de tudo! Da sociedade consciente, saudável, participativa, e bem informada. Mas como educação term duas origens... casa e escola. Quando um falha, o outro não dá conta. Sofremos nós que temos mais discernimento, e por isso, seguimos fazendo a nossa parte... (ai como Escrevo mto!)

    ResponderExcluir
  10. Tuka,
    Esse assunto é muito pertinente e você está coberta de razão, acho que educação não faz mal a ninguém, muito pelo contário. Se muita gente pensasse duas vezes antes de falar um desaforo, nosso mundo seria bem melhor. O problema é que sangue de barata não é para todo mundo e o povo acha que para responder uma agressão tem que fazer pior ainda... Vivemos em dias de tolerância zero ! E isso, às vezes, também me assusta aqui na net. Sou ainda meio novata por aqui e ultimamente tenho visto muita lavagem de roupa suja em alguns blogs. Sei que cada um faz da sua casa,como vc diz, o que quer. SEi também que a vida não é cor-de-rosa e todo mundo tem direito de usar seu espaço para desabafar, mas existe muitas maneiras de fazê-lo; se for com educação, melhor ainda.

    ResponderExcluir
  11. Olá Tuka
    Fui ao blog de seu amigo ler o post e os comentários. Os cariocas ficaram enfurecidos. Acredito que as pessoas do lugar nem percebem isso, pois já estão acostumados. Alguém de fora percebe mais claramente. Tem muitos anos que não vou ao Rio, por isso não vou opinar.
    Bjux

    ResponderExcluir
  12. Tuka, é por aí como vc falou... outro dia cheguei no mercado e a caixa estava irritada,véspera da véspera do Natal, já sabia q trabalharia no dia 24,estava com calor,sem ventilador,a água estava quente e ela estava sem a chave para abrir a gaveta, dei um sorriso e falei q assim é difícil trabalhar, ela sorriu concordou,passou minhas compras,desejei feliz natal para ela q retribuiu.Não nos estressamos e ela ficou um pouco melhor...Não adianta eu achar q estou certa,é obrigação do outro estar bem para mim e eu ñ fazer minha parte...
    A BC é para isso,propagar o que podemos fazer de bom...
    Grande bj,querida!!!Vou passar neste outro blog para ver...
    Como diz o Monsenhor Jonas Abib... "o problema é meu a cara é do outro..."

    ResponderExcluir

Que bom que você veio!
Deixe aqui a sua impressão,
opinião ou recadinho.
Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...